12717728_576642249156106_176030019737165052_n

Talentos da CUFA/FW na ExpoFred 2016

No próximo sábado, 28, a CUFA/FW levará até a Expofred 2016 apresentações artísticas das oficinas realizadas semanalmente em Frederico Westphalen. A partir das 18hs, os projetos de circo, coral, capoeira e teatro passarão pelo Palco 2 da feira.

Conheça mais sobre as oficinas:

CORAL

A CUFA/FW, atuando em diversos segmentos, utiliza também a música como ferramenta de inclusão social. Desde 2012, a ONG trabalha com oficinas de música na Escola Nossa Senhora de Fátima, Escola Santo Inácio e também na Escola Maria Falcon, envolvendo cerca de 85 crianças em todas as sedes semanalmente. Tem como objetivo utilizar a música como meio de expressão e socialização no ambiente escolar, é uma forma de interação entre os jovens e as crianças e uma forma de desenvolver talentos.

A oficina de coral está atualmente sob comando do professor Jean Horas. Aos 21 anos, o frederiquense comenta que a música sempre faz parte de sua vida, pois participou de oficinas durante sua vida escolar e que resolveu investir no ramo: “devagar, as coisas foram aparecendo e eu já não cantava gratuitamente. Já possuía alunos e fui direcionando o rumo da minha vida para a música, especialmente para a formação de corais infantis. Hoje, parece que estou vivendo o outro lado, onde eu sou o professor dos projetos que participei no passado” conclui. Jean está sempre em processo de atualização para aperfeiçoar suas aulas: “busco sempre estar atualizado e principalmente sempre faço cursos na parte de regência de corais infantis e juvenis, quero no futuro poder ter um coral adulto também e poder sempre viver da música e colaborar para o crescimento da arte e a felicidade das pessoas”. Sobre a tarefa de trabalhar com crianças, o jovem professor vê a oportunidade como um grande desafio, mas que busca melhorar a vida dos mesmos com a atividade.

O projeto que visa otimizar as formas de expressão, socializar e democratizar o acesso à arte, além de praticar a inclusão social por meio do canto e oportunizar ao jovem diversas vivências e experiências.

 

TEATRO

O teatro se manifesta na sociedade há mais de 4500 anos e até hoje exibe sua grandiosidade e seu papel social. Dentre os benefícios que esta arte proporciona para quem a pratica, o aumento da autoestima e a melhoria na habilidade de se relacionar com os outros demonstram a importância de desenvolvermos esse tipo de atividade.

Crianças e jovens encontram no teatro uma experiência que pode auxiliar na sua formação. Um dos projetos que a CUFA de Frederico Westphalen desenvolve desde março deste ano é a Oficina de Teatro, coordenada por Alisson Bonotto. A oficina, que é realizada na Escola Nossa Senhora de Fátima, vinha sendo discutida desde o ano passado e atende cerca de 120 alunos atualmente.

CAPOEIRA

A arte tem suas raízes no século 16, período em que o Brasil era colônia de Portugal. Os africanos, ao chegarem no país, necessitavam de formas de proteção contra a violência e repressão dos senhores de engenho, esses que por sua vez, aplicavam castigos violentos nos escravos. Sob a proibição de desenvolver e praticar qualquer tipo de luta, os imigrantes utilizaram suas danças e ritmos africanos para desenvolver uma adaptação, utilizando-a como forma de defender-se. Em novembro de 2014, a UNESCO declarou a modalidade como um patrimônio imaterial da humanidade. Segundo a organização, é uma representação de resistência dos negros brasileiros contra a escravidão no período colonial e imperial.

A partir deste breve contexto histórico supracitado, podemos entender a capoeira como um ótimo esporte para a prática da inclusão social. A modalidade traz ao indivíduo uma série de benefícios, individuais e sociais, como o auxílio da diminuição do stress, trabalha todo o corpo do praticante, estimula o condicionamento cardiovascular, promove maior flexibilidade, promove maior coordenação, estimula a velocidade, a autoconfiança e funciona como um auxílio para a promoção da cidadania, uma vez que promove o respeito mútuo entre as pessoas. Quem pode praticar? Todos. A capoeira atende a uma ampla faixa etária e todos os públicos.

Em Frederico Westphalen, a CUFA/FW trabalha a capoeira na Escola Edegar Marques de Mattos, nos sábados às 13h30 e na EEEF. Nossa Senhora de Fátima às 15hs, pelo professor Rodrigo Ruani.

 

CIRCO

Sua magia contagia por onde passa. Sua alegria ocupa o ambiente e não passa! Quem nunca se encantou em momentos mágicos com a arte circense? É no picadeiro que tudo acontece, onde nossos jovens talentos demonstram suas habilidades e emocionam o público.

A origem do circo não tem exatamente um local definido, pois há registros que tanto os chineses quanto gregos, egípcios e indianos já praticavam algo relacionado aos espetáculos. Sua história é milenar e tem, pelo menos, 4.000 anos, porém, veio a tomar a forma que conhecemos até hoje no Império Romano. Ao final do império dos Césares, no início da era medieval, muitos artistas populares passaram a fazer apresentações em feiras, praças públicas e entradas de igrejas, onde praticavam números de malabarismo, dança e teatro, pirofagia e outras atrações.

A arte milenar traz ao indivíduo inúmeros benefícios, como aumento da flexibilidade, resistência muscular, força e agilidade, melhor condicionamento físico, concentração autoconhecimento corporal e da postura, força dos membros inferiores, entre muitos outros benefícios.

Para encontrar a magia circense nos picadeiros frederiquenses, basta dirigir-se à Escola Conselheiro Edegar Marques de Mattos, nas sextas-feiras, das 17h15 às 18h30, ou nos sábados, das 8h30 às 10hs. As aulas são coordenadas pela professora Ana Jaqueline Nunes.

Todas as oficinas são patrocinadas pela Arbaza Alimentos.

Posted in Notícias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>